Diretor do Colegio Didalvi eleito presidente da CNEF

ImageJoão Alvarenga, director do Colégio Didálvi, em Barcelos, atual presidente da AEEP, associação de estabelecimentos de ensino particular e cooperativo, foi eleito presidente da CONFEDERAÇÃO NACIONAL DE EDUCAÇÃO E FORMAÇÃO. Cerca de 700 estabelecimentos de ensino particular social e cooperativo, de educação e formação, uniram- se na nova confederação ( CNEF) para congregar esforços e rentabilizar recursos para a promoção da qualidade e inovação e para, a uma só voz, defender a autonomia das escolas e a liberdade de opção educativa para as famílias. A CNEF lidera um sector com cerca de 400 mil alunos e 50 mil professores e auxiliares de educação, representando mais de 20% do sistema educativo nacional. Presidiu a tomada de posse, no passado dia 7 de marco, o Secretario de Estado do Ensino e da Administração escolar- João Casanova de Almeida. Testemunharam o ato na mesa de honra : o Presidente da Comissão de Educação e Cultura da Assembleia da Republica - José Ribeiro e Castro, os ex- ministros da educação- Eng. Roberto Carneiro e prof. Maria do Carmo Seabra, o secretario geral da Federação Nacional da Educação , FNE, João Dias da Silva, prof. Mário Pinto , ex- presidente do Conselho Nacional de Educação e o presidente da CONFAP - Albino Almeida ,entre muitas outras individualidades. Disse o presidente da CNEF, João Alvarenga, que a confederação visa uma maior cooperação do sector não estatal, na defesa do principio da liberdade de ensinar e de aprender e da igualdade de oportunidades no acesso e sucesso para todos os alunos que pretendam optar pelo ensino privado ou profissional.